segunda-feira, 2 de julho de 2012

ORAÇÃO DE CURA DO ÚTERO- "PADRE MARCELO ROSSI"

Amados, como dissemos hoje no Nosso Momento de Fé, são muitas as mulheres que desejam ter um filho e não conseguem. Por isso estou postando agora uma grande e bela oração, a ORAÇÃO DE CURA DO ÚTERO, vamos fazê-la com muita fé para que Jesus nos abençoe: “Pai celestial, peço que envies o Teu Espírito Santo e ilumines o útero da minha mãe”. Purifica-o de qualquer negatividade ou mancha e enche-o com... a Tua luz, poder e majestade.
Enquanto me vejo sendo concebido, enche este momento com a Tua majestade e esplendor. Modela-me à Tua imagem e semelhança e enche-me com Tua luz e amor (Ágape).
Querida Mãe Maria, peço que tu estejas comigo desde o momento da concepção, protegendo-me e intercedendo por mim, juntamente com os anjos e com os santos, diante da Santíssima Trindade. Abastece-me, querida Mãe, com o amor materno que precisei e não recebi.
Senhor Jesus Cristo, peço que venhas e fiques comigo desde o momento da minha concepção. Enche-me, em Teu infinito amor e misericórdia, com o fogo do Teu divino amor (Ágape).
Derrama sobre mim, suave Jesus, todos os dons e graças. Cura-me de toda mágoa e purifica-me de toda negatividade que me foi transmitida, consciente ou inconscientemente, enquanto estava no útero da minha mãe. Abastece-me com o amor paterno de que precisava e não recebi.
À medida que percorremos cada mês, Senhor Jesus, purifica-me, cura-me, refrigera-me, restaura-me, ilumina-me e transforma-me.
Remove todas as trevas e lava-me no Teu precioso Sangue.
À medida que caminhamos no primeiro ano, Senhor Jesus, remove toda raiva, ansiedade ou medo que minha mãe possa ter transmitido a mim.
À medida que caminhamos no segundo ano, suave Jesus, remove todo abandono, raiva, ansiedade, amargura, confusão, medo, culpa, insegurança, rejeição, ressentimento ou vergonha que possa ter sido transmitido a mim quando minha mãe soube que eu ia nascer e começou a informar à família e aos amigos que estava grávida.
À medida que caminhamos no terceiro ano, Senhor Jesus, remove toda raiva, amargura, confusão ou medo que minha mãe possa ter inconscientemente transmitido a mim.
Remove qualquer sentimento de culpa que eu possa ter tido porque minha mãe se sentia mal ou porque sua gravidez causou problemas financeiros. Permite que eu não mais me sinta um peso. Ajuda-me, Senhor Jesus, a me sentir totalmente envolvido pelo amor do meu pai e da minha mãe. Deixa-me sentir o amor deles por mim e sua alegria porque vou nascer.
À medida que caminhamos no quarto ano, Senhor Jesus, enche-me com a Tua luz e amor (Ágape) e remove qualquer negatividade que minha mãe me transmitiu.
À medida que caminhamos no quinto ano, Senhor Jesus, peço que me cures de uma possível falta de oxigênio causada pela posição do cordão umbilical ou por doença. Simplesmente inunda-me com a Tua paz e tranquilidade. Remove qualquer temor que possa ter sido transmitido a mim pela minha mãe e enche-me de confiança plena em Ti, Senhor Jesus.
À medida que caminhamos no sexto ano, Senhor Jesus, enche-me com a Tua luz e amor (Ágape). Por favor, remove toda treva e negatividade transmitidas a mim por minha mãe, consciente ou inconscientemente.
À medida que caminhamos no sétimo ano, Senhor Jesus, cura-me de qualquer raiva, amargura, medo ou ressentimento que possa ter recebido de minha mãe. Enche-me com a Tua alegria e esperança.
À medida que caminhamos no oitavo ano, Senhor Jesus, cura-me de qualquer ansiedade ou medo transmitido a mim por minha mãe. Enche-me com serenidade e confiança em Ti, suave Jesus.
À medida que caminhamos no nono ano, Senhor Jesus, enche-me com a Tua paz e amor (Ágape).
Por favor, remove qualquer ansiedade, medo ou culpa que possam ter sido transmitidos a mim por minha mãe, porque o momento do parto estava chegando. Enche-me, Senhor Jesus com a Tua luz e amor (Ágape).
Obrigado, Senhor Jesus, por me acompanhares durante os nove meses dentro do útero da minha mãe, purificando-me e curando-me.
Senhor Jesus Cristo, vejo-me agora preparando-me para nascer. Durante as horas do parto, remove qualquer raiva, amargura, confusão, medo, culpa ou ressentimento que eu ou minha mãe possa ter sentido. Enche com luz e amor o momento do meu nascimento.
Vejo-me agora nascendo nas Tuas mãos santas e amorosas, Senhor Jesus. Enquanto me seguras, sorris para mim e, com alegria, me apresentas ao Pai.
Ele gentilmente me toma em Seus braços e diz: “És precioso a meus olhos… e te amo” (Is 43, 4a). Ele me enche com a plenitude de amor paterno ( Ágape ) que somente Ele pode dar. Inunda-me completamente com o Seu amor e aceitação incondicionais.
Gentilmente, entrega-me a Maria, minha Mãe. Enquanto me carrega ternamente nos braços, Ela sorri para mim. Seus olhos cheios de amor, e Ela beija meu rosto e meus dedos com seus lindos lábios.
Acalma meu primeiro choro com suaves palavras de amor: “Minha criança, como você é bonita. Como é preciosa aos olhos de Deus. Eu a amo, meu tesouro.
Não chore, vou segurá-la sempre bem junto ao meu Coração Imaculado e a pulsação dele vai aliviá-la e acalmá-la.
Ó minha linda criança, como amo você.” Ela enxuga minhas lágrimas com seus dedos delicados e me conduz à minha mãe que me abraça com amor e chora lágrimas de alegria.
Minha mãe me segura bem junto de si e diz: “Eu amo você, meu lindo bebezinho, eu amo você.” Amém. 
FONTE: FACEBOOK DO PADRE MARCELO ROSSI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário